Morar em São Paulo é um desafio. Não quero falar do que não sei ao afirmar que todo lugar é. Sei que aqui é cada vez mais complicado encontrar “paz” de espírito…

Atualmente moro em um bairro nobre de São Paulo e sofro por isso. Quando nos mudamos, à três anos, éramos tão sonhadores e imaturos que só conseguíamos enxergar um aluguel barato e as modernidades aos pés da Avenida Paulista e a quatro quadras do Parque da Aclimação. Vivíamos o sonho da primeira casa e todos os obstáculos eram só flores. Com o passar do tempo começamos a sentir um aperto constante no nosso orçamento e dificuldade para tudo. Fazer feira virou um suplício, mercado um martírio e comer fora um desafio resumido a: Se comermos baratinho (e mal, muitas vezes), vamos gastar R$30. Se comermos um pouquinho melhor, R$ 60 os dois. Se um dia inventássemos de jantar num lugarzinho mais bacana, era de R$80 a R$120 o casal.

Daí eu cansei.

Se pelo menos a comida fosse boa e a vida mais fácil pra gente, até vá lá. Mas aqui, pizza horrorosa não custa menos de R$ 35! A gota d’água veio com este texto confirmando meu sofrimento na metrópole e a chuva do começo da semana que estourou a lage do prédio e inundou os apartamentos (e lá fui eu com o rodinho tentar salvar meus cacarecos). Isso sem falar nos furtos: Já vimos um e sofremos outro.

Enfim, o desejo de mudar daqui não era de hoje. Partimos para uma procura frenética até encontrar um apê ok, com todos os atributos necessários e básicos para vivermos bem numa cidadezinha não muito distante da capital com cara de interior. Não pensamos duas vezes e no final de semana passado, fechamos a locação. Acontece que quando se decide assim, de cara, fechar um negócio como esse, dá se início a um triatlo (maratona é muito pouco). Como nossa mudança está agendada para ESSE sábado, montei um roteiro próprio de ação. Se você também está de mudança louca e frenética, vem comigo:

como-fazer-mudanca-de-casa

A parte teórica da coisa, diz respeito aquela lista linda de tarefas que você vai escrever na esperança de cumprir. Essa é a minha, representando minha mudança de cidade em pouquíssimo tempo. Adapte a sua para atender melhor as suas necessidades. Outra coisa: Ajuste os ítens por ordem de prioridades pra você.

Antes da Mudança

  • Acertar todos os detalhes da locação com a imobiliária. Enviar documentação (Rg, CPF, comprovante de residência atual, comprovante de renda e o que mais for solicitado). Se for locação com depósito de 3 alugueis antecipados, solicite o boleto para pagamento e veja se no novo prédio você pagará condomínio + aluguel no mesmo boleto. Se sim, ao invés de depositar 3 aluguéis, serão 3 combos de aluguel+condomínio. Agora se seu caso for Seguro Fiança, leia aqui algumas dicas.
  • Se assim como nós vocês moram em outro apartamento alugado, comunique o proprietário/imobiliária da saída. Será preciso scannear e enviar o comprovante das últimas contas de consumo pagas. A administradora do condomínio nos solicitou também uma carta de próprio punho ou um e-mail comunicando a saída, uma data para a entrega das chaves e vistoria do apartamento que deverá ser entregue pintado, limpo e com todas as torneiras, luzes, janelas e afins em perfeito funcionamento.
  • Cotar o transporte. Um dos fatores decisivos foi a flexibilidade quanto ao empacotamento das coisas. Explico: Ficou muito mais em conta nós mesmos empacotarmos nossas coisas e nos comprometermos a subir e depois descarregar as coisas do caminhão. Prevejo exaustão, é verdade. Mas com tempo e grana curta, só o transporte foi a opção.
  • Para encaixotar suas coisas, você descola algumas caixas em supermercados e aquelas mais “reforçadas” em lojas como a Kalunga, que vende papelaria a atacado. Essas reforçadas são as próprias para mudanças. Vai precisar também de jornal, plástico bolha e caneca esferográfica.
  • Avise em sua faculdade ou curso, sua mudança de endereço. Eu faço inglês em uma escola que possui unidade na cidade para onde vou. Solicitei a transferência e terei de pagar uma taxa por cabeça para concluir o trâmite. Verifique se você também terá de fazer o mesmo e coloque essa informação nos custos da mudança.
  • Eu tenho um combo NET de Tv a cabo+telefone+internet. O processo para transferência de cidade pede aviso de 5 dias de antecedência a mudança, na central de atendimento (106 21). Eles anotam sua solicitação e até 5 dias úteis depois, ligam para agendar a ida do técnico a nova residência para a instalação. Se você tem NET HD, não esqueça de perguntar se no seu novo CEP também tem.
  • Eu tenho um filho de quatro patas, O Minhoca. Ainda não tinha, mas dessa vez vou comprar uma Caixa de Transporte pra ele. Neste link há dicas de como escolher uma para o seu filhote.
Minhoca
Minhoca e o papai
  • Se na nova residência já estão ligados os serviços básicos (Água, luz e gás), basta pedir a transferência de titularidade pra você. Se não, solicite o desligamento com pelo menos um dia de antecedência a  mudança, para que aja tempo de ser religado em outro lugar. Mas atenção: Isso vale para quem está mudando as pressas como eu. Em São Paulo, operamos com a Eletropaulo, Sabesp e Comgás. Procure se informar dos procedimentos para sua região em suas operadoras.
  • Uma dica muito legal para ajudar a empacotar suas coisas é, além de escrever nas caixas o que há dentro delas, marcá-las com as letras A (do que precisa ser desempacotado o quanto antes), letra B (para o que pode esperar um pouco) e letra C (para o que pode ser guardado aos poucos após a mudança.
  • Não se esqueça de avisar os zeladores/porteiros dos prédios, sobre sua saída/chegada para que não coincida em horário com outra mudança e vire uma bagunça!
  • Agora é a hora: Doe livros, roupas, móveis e tudo o mais que está sem uso. Pese quanto tempo você não usa aquela peça ou se ainda irá reler aquele livro. Abra espaço para coisas novas na casa nova. Na minha casa há muitos livros técnicos que eram difíceis de encontrar quem os recebesse até que me indicaram a doação para uma ETEC mais próxima. Outros tipos de livros (menos os didáticos) e outros objetos podem ser doados para o Exército da Salvação contanto que estejam em bom estado.
  • Faça a última faxina e aproveite para devolver as torneiras originais, chuveiro, lustres e tudo o mais que você possa ter modificado quando chegou.  Se você tem animais em casa e usa tela de proteção nas janelas, não se esqueça de providenciar a instalação delas no novo apartamento.
  • Faça uma mala com roupas, cosméticos, remédios, calçados e afins que você necessite para dois dias. Caso demore a adaptação ao novo espaço, na mão você não fica.
  • Desligue os eletrodomésticos, limpe a geladeira e jogue fora – ou doe – alimentos que estão próximos de vencer ou são altamente perecíveis se fora da geladeira por muito tempo.
  • Leve com você uma lista de telefones de todas as pessoas envolvidas neste dia: Marido/Esposa, do pessoal do transporte, dos porteiros, da imobiliária, vizinhos e quem mais estiver ajudando. Tenha dinheiro em especie para qualquer eventualidade.
  • Separe uma ou mais caixas para: Remédios (primeiros socorros), ferramentas, produtos de limpeza, saco de lixo e papel higiênico. E que esta(s) caixa(s) esteja BEM localizada para caso de emergências.
  • Se for possível, leve em seu carro ou no carro de alguém, itens de tecnologia de alto valor e que são delicados de se transportar.

Depois da Mudança

  • Com as caixas devidamente sinalizadas, peça para que sejam descarregadas nos seus devidos cômodos e se possível oriente esse processo. Facilita um bocado!

 

dicas_leitores

Ontem eu pedi para que os nosso leitores andarilhos deixassem suas dicas de mudança na Fanpage do CSG e do Morando. Separei algumas e tem das mais geniais as mais metódicas. Olhe só:

  • Usar caixas de Ovos para colocar entre as louças e vidros mais delicados! Funciona muito para amortecer os impactos!Gabi Gasparin
  • Tomar café para dar disposição, fazer as coisas com calma, porque não é nenhum bicho de 7 cabeças. Organizar caixas por cômodos, esvaziar primeiro os quartos, deixar cozinha por último, porque vc vai precisar comer. Plástico bolha nunca é demais. Fazer uma mala com as roupas necessárias, como se vocês fosse viajar por 2 dias. Quando chegar na casa nova e com os móveis posicionados fazer o contrário, desempacotar cozinha primeiro, sala, por último quartos. – Roberta Lewis
  • Ah!!! E NUNCA fazer uma caixa grande só de livros, prefira caixas pequenas, ou preencha só 1/3 da caixa com livros e o restante com outras coisas do mesmo cômodo porque a caixa pode arrebentar ou ficar impossível de carregar. – Roberta Lewis
  • Sammia, sozinha nunca me mudei, o máximo que fiz foi pegar minhas roupas na casa da minha mãe e trazer para casa do meu noivos, mas com a minha mãe… foram 6. Já passamos diversas situações como ter que cortar o portal para o sofá entrar, arrastar móvel pois não coube na parede, ficar uma noite sem luz (sorte que era ao lado de um clube então ao menos iluminou para não tropeçar e cair em cima das caixas), caminhão pago por hora que demorou mais de 3 horas de um bairro para o outro e esquecimento de material dentro do caminhão, porém aprendemos, a última mudança fizemos na véspera do meu aniversário e no dia seguinte já tivemos festinha como se sempre tivéssemos morado naquele local… 
    1 – Encaixotar (vocês mesma) todos os objetos pequenos; 
    2 – Vidros e louças, sempre em muito jornal ou toalhas;
    3 – Ao ir encaixotando, relacione o que está nas caixas ou pelo menos coloque o cômodo (tende colocar cada caixa relacionada à um cômodo);
    4 – Se não conhecer/confiar na equipe, enumere as caixas;
    5 – Deixe o mínimo de coisas possíveis para a empresa de mudança, ainda mais se estiver pagando por hora o caminhão;
    6 – Ao chegar ao novo ap, coloque cada caixa em seu cômodo relacionado, assim como o móvel (mesmo que desmontado), isso ajuda a não ficar um bando de tralha espalhada;
    7 – Antes de dispensar o caminhão, peça para dar uma olhada, pois evita não esquecer nada lá dentro;
    8 – Se houver mais pessoas te ajudando, enquanto elas sobem com as caixas você já começa desfazer. 
    9 – O primeiro cômodo a liberar deve ser a cozinha, pra dar tempo de fazer um lanche e ter água gelada... – Priscilla Rios
  •  Eu faço uma lista separando por comodo, e faço um catalogo de tudo que ja empacotei. Etiqueto conforme a lista, assim nao tem como nao saber onde esta a blusa vermelha que a gente ama!!!Julieta Faria
  • Não precisa tirar as roupas do cabide. Basta agrupar os cabides de 5 ou 6 (depende do peso), arramar com uma fita a parte que pendura e colocar naquelas sacolas gigantes. Protege do transporte e qdo o armário estiver montado é bem mais fácil de colocar tudo no lugar. – Cynthia Félix
  • Já mudei algumas vezes, 3 em 4 anos kkkkk! e descobri alguns truques: *Evite fazer compras no super mercado algumas semanas antes, é um volume extra que vc pode evitar; *Use itens de cama mesa e banho para “embalar” itens delicados, como vasos e e objetos de decoração que quebram; *Caixas grandes são excelentes, desde que você acomode bem os objetos, aproveitando os espaços e protegendo itens delicados, é melhor 2 pessoas carregando 1 caixa maior, do que fazendo várias viagens com caixas menores;* FATO# seus móveis não sairão ilesos, desapega; *Prenda as portas dos armários com fita crepe, pq fita adesiva deixa cola e é difícil de tirar; *Compre marmitex, ou conte com a ajuda de uma amigo para trazer umas pizzas, por alguns dias vai ser difícil cozinhar eu até msm sair pra comer; *Não tire as roupas do cabide, junte todas e coloque esticadas dentro de um saco de lixo resistente, como se fosse aquelas capas de lavanderia, fica mais fácil de arrumar na casa nova; *Durante a mudança tenha sempre no bolso um caneta, fita adesiva e estilete/canivete (o canivete é melhor pq tem mais funções, já tenho um de estimação), são muito úteis e não dá pra ficar procurando, e não empreste, pq vai se perder; * Se tiver caixa de ferramentas deixe fácil; *Conforme forem desmontando os móveis junte todos os parafusos e sacos pequenos, junto com as buchas e outros itens miúdos e guarde com vc; *Antes dos móveis serem desmontados marque as partes com um pedacinho de fita crepe, facilita a montagem e evita que as portas fiquem tortas….ufa tem várias, essas são as que mais me ajudaram. – Patricia Xavier
  •  Fazer o desenho da planta baixa e cortar pedaços de papel com o tamanho dos móveis para definir melhor onde ficar melhor o que, assim dá p ver se não atrapalha alguma passagem, além de ser mais fácil para “brincar” com a disposição dos móveis. – Mayara Atherino Macedo

Aqui e aqui tem todas as dicas

Me deseje sorte. Depois eu volto pra contar como foi 😉

Beijos!

 

  • Oi, Sam!

    Que Deus esteja com você nessa nova empreitada e nessa nova cidadezinha com cara de interior… Nunca me mudei… Nem sei como se faz… Só vou me mudar este ano para a minha casa nova, mas acredito que será mais fácil porque vai ser tudo novo… hehehe…

    Beijinhos

  • Paula Pacheco

    Boa sorte SammmMM…

    Eu estou aguardando o Sr. Jonathan Alejandro (meu noivo), terminar com a massa corrida para mudarmos no domingo! Sorte para nós amigaaaa… rs

  • Cintia S.J.Barbo

    Outra dica: Aproveite o espaco dentro da geladeira. Como ela será desligada e seca para o transporte, coloque vasilhas plasticas ou toalhas/lencois dentro dela. Assim, tera uma caixa a menos pra carregar. O importante é colocar nela coisas que não irão risca-la ou danifica-la, de preferencia coisas leves como as que citei.

  • Aline Damásio

    Me mudei apenas uma vez e não foi tão difícil pois saí de uma apê de três cômodos para uma casa de verdade kkkk
    Mas se você não se organizar tem muita do de cabeça, eu mesma perdi um guarda-roupas durante a mudança ao descobrir que ele estava cheio de mofo no fundo, não tive dúvidas coloquei ele na calçada para doação, um vizinho mesmo o pegou mandou para uma marcenaria para recuperar o fundo e ele ficou novinho de novo…coisas que acontecem fazer o que né…

  • Raquel Wittig

    Sam… já me mudei muitas vezes, mas, embora a bagunça inicial seja assustadora, é muito bom!
    E eu tenho uma dica pós mudança, tente saber por onde passam as fiações e as tubulações de água, pois na hora de usar furadeira ou bater pregos isso pode causar um problemão… vai por mim que já aconteceu comigo! Hahaha…

    • Cintia Barbo

      Raquel:
      Isso tambem aconteceu comigo. Fui furar a parede externa para colocar o numero da casa e hhahahaha furei um cano. Tentei de novo, mais pro lado e hahahaha furei outro cano. Foi água pra tudo que é lado!!!!!!!

  • Cristiane

    Oi Sammia! Obrigada pelas ótimas dicas! Sou de Bauru/SP, e estou indo morar em São Paulo em razão de trabalho, encontrei depois de muita pesquisa uma kit para morar, mudança radica né? Vc comentou que vcs sofreram um furto, como foi isso? Entraram no apartamento, vc teria alguma dica de segurança?! Obrigada! Beijo grande!!

  • Verônica dos Santos Oliveira

    Nossa.. tbm keria mt me mudar de SP tah um saco essa cidade! Mas ainda não tenho condições pra isso..

    Boa sorte Sam tudibaum pra vocês 🙂

  • Amanda Jeronimo

    Sammia já me mudei algumas vezes, não e um bicho de sete cabeças, se seguir as dicas dará tudo certo e em uma semana ta com a casa montada…BOA SORTE!!!
    beijos

  • Giovanna Pereira

    Oi Sammia! Por acaso essa cidadezinha é Jundiaí? rsrsrs, se for seremos vizinhas kkk!! Bjos!!

  • Valéria

    Sam, lendo isso tenho a certeza que mesmo morando “um pouco longe” ( perto de Itaquaquecetuba, Grande SP )estou no caminho certo .

    Ainda não estou preparada para o custo de vida ´que são os melhores e mais nobres bairros .

    Boa sorte nessa nova fase .

    Tamo junto !!!!

  • Que tudo dê certo nessa nova fase! 🙂

    estradaafora.com

  • Mariana

    Seja bendita na cidade e no campo…
    Seja bendita ao entras e ao saires….
    Deus te abençoe em Tudo Sam.
    Assim como tens sido uma benção
    em minha vida e na vida de muitas
    outras noivas,esposas,mulheres, mães.
    Um super beijo. Sou sua fã!

  • Camila

    Seria Itu??? 🙂

  • Camila

    Eu e o Gabriel iríamos morar em São Paulo, pesquisamos e descobrimos o custo de vida alto de lá.

    Depois de pensarmos direitinho, vimos que morar no interior era a melhor pedida. Estamos muito próximos a SP, +/- 1h, o aluguel que pagaríamos em SP, num apê bem pequeno, é o mesmo que pagamos numa casa de 280 m2 em Itu, e bem no Centro.

    Fora que não temos trânsito, chuvas e mais chuvas e o custo de vida é muito mais barato…

    Este post vai ajudar muita gente, nós ficamos bem perdidinhos quando realizamos a nossa mudança!

    bjs e boa sorte

  • Brunna

    Sammia, desejo muita sorte nesta mudança e fico ansiosa pelo próximo capítulo! rsrsrs… Me mudarei em breve e todas as dicas serão muito preciosas! Beijos!

  • Oi Sammia!!!

    Boa Sorte pra você, que você encontre nesse novo lar muita tranquilidade, paz, sossego pra recarregar as baterias e viver a vida de uma forma mais relax…

    A única mudança que fizemos lá na casa da minha mãe, foi de muro, é isso mesmo, quando mudamos de casa, compramos uma casa que era nossa vizinha, ou seja nem gastamos com frete hehe…

    Quando for morar na minha casinha, aí sim vou usar essas suas dicas preciosas…

    Parabéns pelo post e sucesso no novo lar doce lar….

    http://casaroucomprarbike.blogspot.com.br/

  • luana

    vem pra Barueri,Sammia…rs aquii é tudo de bommm,tudo pertinho!rs

    tá indo pra onde agora?

    BJ

  • priscila

    Amei!! E para quem vai de avião? ( tem poucas coisas p fretar um carro e muito p avião)