Oi, gente!!! Tudo bem com vocês?

Quem vem à Goiás logo percebe que uma de suas principais heranças é a culinária – e acho que vocês já perceberam que eu adoooro falar sobre isso, né? Goiânia tem excelentes restaurantes tradicionais, com receitas da cozinha caipira de dar água na boca. Mas é nas cidades do interior que temos maior contato com os grandes representantes de nossa cozinha: pequi, pamonha, galinha caipira…. Hummmm!!!

E como também adoramos dar uma esticadinha para um lugar tranquilo no fim de semana, alguns restaurantes apostam na aliança boa comida-natureza. E um ótimo lugar para passar um dia agradável em família é o Banana Menina, referência em agroturismo. Vamos conhecer?

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (2)Imagem: Facebook Banana Menina

Localizado na cidade de Hidrolândia, a 20 minutos de Goiânia, o Banana Menina é referência nacional do turismo rural e gastronômico, reconhecido por diversos meios de publicidade e propaganda. Aberto há 20 anos, é um lugar descontraído e goiano por natureza – e põe natureza nisso!

E o mais legal é que, além da cozinha, o restaurante ainda oferece várias outras atrações ao visitante, porque nem só de comida vive o homem, né gente?! 😉 Lá você também pode aproveitar passeios de trenzinho, mirante, pônei para a criançada, redes de descanso, trilhas (claro, elas estão sempre presentes), pesca, sala de jogos e até uma granja (as crianças acham o máximo).

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (3)Imagem: Facebook Banana Menina

Para entrar o visitante paga um preço único (coloco a tabelinha no final do post, tá?), que inclui todas as atividades, exceto bebidas. Como normalmente o pessoal chega um pouco antes do horário do almoço, costumam aproveitar o sol da manhã para as atividades ao ar livre. Assim, dão uma caminhada nas trilhas (só não as recomendo em dias de chuva, pois costumam ficar um pouco escorregadias) ou pescam. As crianças, claro, correm para a sala de jogos ou para dar uma volta nos pôneis (disponíveis somente aos domingos). É bom mesmo dar uma gastada nas calorias, porque você vai mais do que  repor na hora do almoço!

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (4)Imagem: site do Banana Menina

O restaurante tem capacidade para 550 pessoas e oferece o melhor da cozinha caipira servida no fogão à lenha. Durante a semana, o Centro de Tradição (como também é chamado) dispõe de 30 sugestões diárias de pratos quentes (como a nossa famosa galinhada com pequi), mais 30 opções de saladas e aperitivos (como os bolinhos de arroz), tudo servido em sistema de buffet. Aos domingos, a bancada se amplia e inclui mais de 70 itens (incluindo o frango ao molho de laranja e ervas finas) e, na seção de doces, tentações como ambrosia, doces de leite, figo e queijo. É comida que não acaba mais!!!

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (5)

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (6)Imagens: Facebook Banana Menina

Após o almoço bate uma brisa e você fica na maior vontade de tirar um cochilo, não é mesmo? Pois é, o Banana Menina espalhou redes em meio às árvores, literalmente debaixo de sombra e ao som dos pássaros. Porque, afinal, você merece tirar o sono dos justos, não é verdade? 😀

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (8)Imagem: site do Banana Menina

Depois da sessão preguiça, nada melhor do que dar uma volta de trenzinho pela propriedade, treinar tiro ao alvo (em local seguro) ou dar um passeio até o mirante, apreciando uma mega paisagem.

restaurante-banana-menina-interior-de-goias (1)Imagem: site do Banana Menina

 

solar-do-barao-curitiba-servico

O restaurante cobra R$29,90 por pessoa de 2ª à 6ª, R$39 por pessoa aos sábados e R$49,90 por pessoa aos domingos. Além disso, nos domingos e feriados as crianças têm condições especiais: free até os 5 anos e 50% dos 6 aos 10 anos. O Banana Menina funciona das 7h30 às 16h30 durante a semana e das 07h30 às 17h nos fins de semana e feriados.

Para mais informações e acesso ao mapa de localização é só acessar o site do restaurante.

 

É isso, pessoal! 🙂

Até a próxima,

assinatura_luciana-gomides

 

Obs. A imagem principal é do blog do Banana Menina

NO COMMENTS