Olá, pessoal 🙂

Cheguei chegando! E hoje quero desmistificar um pouco essa questão das casas de longa permanência, ou seja, os famosos asilos.

Muitas pessoas não frequentam esse tipo de lugar, pois têm a impressão de ser um local muito triste, com pessoas à beira da morte – pensamento este puramente equivocado. claro que há muitas pessoas debilitadas, mas não é maioria não!

 

asilo-fatos

Segundo o Ipea (Instituto  Pesquisa Econômica Aplicada), o Brasil possui cerca de 3.548 asilos, sendo que destes apenas 218 são públicos. Neles vivem cerca de 83 mil idosos, em sua maioria mulheres.

Esta mesma pesquisa repassa que a maioria dos asilos brasileiros são mantidos pelos recursos dos idosos e seus familiares. Estas instituições podem contar com até 70% do valor da aposentadoria do interno, e é o Estatuto do Idoso estabelece quais instituições poderão contar com estes valores.

asilos 2

 

asilo-por-que

A maioria dos internos que estão neste tipo de lugar não tiveram filhos; é incrível a quantidade de mulheres solteiras em casas de longa permanência. Há, também, os que necessitam de cuidados especiais, e entre deixar a pessoa com um enfermeiro 24 horas e levar para uma casa de repouso, a família prefere a segunda opção.

Se observarmos bem, perceberemos que são poucas as “famílias ruins” e “filhos desnaturados”.

asilo 4Fonte das Imagens: Google Images

 

asilo-atencao

Então, vá de coração aberto! A maioria gosta de contar histórias, jogar conversa fora e rir um bocado. Se prepare para ouvir e aprender 🙂

Todos os asilos têm dias de visitação e muitos deles, embora necessitem de doações, solicitam mais a presença das pessoas ao bem material.

Agende um dia na semana, leve sua família e você verá que é um programa maravilhoso e enriquecedor.

 

Abraços, galera, e até mais…

assinatura_jac-domicio

NO COMMENTS