Uma das minhas maiores descobertas depois de casada foi a beleza da rotina. Geralmente a gente fala de rotina como se fosse uma coisa ruim, né? Se cobrando pra não cair na rotina, não deixar o relacionamento cair na rotina, a pobre da rotina é crucificada todo tanto, o tempo todo – e a meu ver, bem injustamente, pobrezinha.

O que me abriu os olhos pra isso foi o caos total em que me vi imersa nos meses antes do casamento, e até me mudar pra cá. Eu não tinha hora pra comer, pra dormir, pra trabalhar, e em um certo momento, não tinha nem uma casa só pra chamar de minha, não sabia em que cidade estaria em duas semanas, não conseguia fazer planos… o terror!

Na casa da mamãe, passava o dia sozinha, trabalhando freneticamente e organizando as coisas do casamento, não me lembrava de comer, dormia nos horários mais loucos, fazia mil compromissos num dia só… e tudo bem, tava tudo indo! Quando a confusão nômade passou e eu vim parar aqui em Palmas, a vida mudou: hora de dormir e acordar (pra acompanhar o marido), hora de fazer almoço (porque o marido vem almoçar em casa todo dia), dia de faxina, dia de lavar roupa… e depois de um mês assim, vi que o cansaço que eu andava sentindo passou, que meu dia rendia muito mais, e que, apesar de ter mais tarefas, eu estava produzindo mais do que quando só pensava em produzir. Interessante, não?

Fato é que ter dias e horas pra essas coisas ‘de sempre’ te ajudam a dosar melhor o tempo, a se programar melhor, a dormir melhor e descansar mais, e até mesmo planejar as fugidas da rotina – que se você não tem, vai fugir dela como? No meu caos sem casa e sem horários, de alguma forma eu não tinha tempo pra nada, sendo que a teoria de ‘faço meu horário’ te faz pensar que você tem tempo pra tudo. Além disso, é super importante ter um dia pra namorar, pra não fazer nada além de aproveitar sua casa e seu marido (ou, se você mora sozinha/o, você mesma), pra colocar as ideias no lugar e se cuidar. É bom pra você, pra sua saúde e pra sua felicidade!

Então, na próxima vez que pensar em fugir da rotina, se planeje e fuja mesmo – só não deixe de reparar o quanto ela é bonita quando você voltar 🙂

Assinatura Fla

  • Nossa Fláviaaa, adorei seu post menina!!!!

    Se encaixa muito no que estou passando ultimamente, quero muito ter a rotina na minha casinha com meu maridão, ter dias de descontração, não vejo a hora de passar toda essa turbulência para enfim ter o meu lar doce lar, com minha doce rotina doce hehe…

    Beijocas querida adoreiiii o postt!!!

  • Juliana

    Eu e meu marido estamos juntos no nosso cantinho a quase um mês. E posso de dizer que ainda não estou muito firme com os horários e as vezes acho que não vou aguentar mais de tantos afazeres que temos. É muito complicado somos só nos dois para tudo e sem tempo para nada, trabalhamos e estudamos e no fds temos que fazer inúmeras coisas e ainda temos dor de cabeça com motores e entregadores.
    Mas espero que logo tudo fique no seu lugar!

    ♥ Beijooos

  • Nossa, sei exatamente como você se sente!! O casamento e a mudança faz com que a nossa rotina fique toda bagunçada!

  • Andrea Cordeiro

    Pois é Flavia, eu tenho medo dessa rotina que estar por vir, penso na vida boa que levo e como vai ser daqui 2 meses… A ansiedade pra casar é grande, mas penso no depois, no ter que me doar toda para nossa casa, tem hora que eu quero logo começar cuidar do meu cantinho, tem hora que tenho medo de não dar conta de tudo, pois nem lavar vazilha em casa, não faço. Tomara que seja gostoso e prazeroso essa rotina, você me deu até mais esperanças!haha
    O pior de tudo é que passei na faculdade na federal, começo hoje e já estou com medo de não dar conta de trabalhar de dia, estudar de noite e ainda dar conta da casa.
    Espero que tudo se ajeite.

    Amo suas historias, continue contando tudo pra nós

    Beijos

  • Evelin Rosa

    Amoooo a rotina! Sempre ameeei! Odeio me sentir confusa e perdida.

  • Verdade Flá!
    As pessoas as vezes reclamam tanto da bichinha e nem percebem que as vezes ela é necessária, né?
    Ultimamente estou sem rotina, estou igual você estava: sem horário para NADA.

    Não vejo a hora de começar minha vida de casada e minha rotina querida! Rs

    Adoro seus posts *-*

  • E como pode ser doloroso ir descobrindo aos poucos esses detalhes, né? Mas passa! E depois você tem o maior prazer em viver a sua rotina e do seu marido!
    Casei tem quase dois anos, e ainda estamos ajustando algumas coisas (sim, amigas, demora pra ajustar tudo!) na nossa rotina a dois!
    Mas é muito gostoso porque estamos cuidando do que é nosso, conservando, construindo…

    Bejooo, sócia!

  • Ana

    Verdade… Nada como uma boa rotina de casada!!!

    Parabéns pelo Post! 😉

  • Ana C.

    Nossa Flavia, eu nunca tinha visto dessa forma…logo eu a Sra. vamos ver por outro lado!

    Gostei mesmo abrigada.